DESENVOLVIMENTO INFANTIL – 3 MESES

Como o tempo passa rápido né? O Antonio já esta enorme e a cada dia que passa, vejo mais e mais evoluções! Ele já é uma mini-pessoa.
Hoje vim aqui contar sobre o desenvolvimento dos bebês ao decorrer dos 3 meses. Muita coisa muda e muito rápido. Precisamos entender o que está acontecendo com eles para aprendermos a interagir da melhor maneira possível.

Se antes nosso bebê só nos reconhecia pela nossa voz, agora – aos 3 meses – ele passa a nos reconhecer pela visão. Seus olhos passam a seguir melhor os movimentos das pessoas pela sala, dos brinquedos balançando… Sua visão está mais apurada mas mais do que isso: seu córtex está trabalhando a todo vapor e fazendo a ligação entre o que ele vê e o que aquela figura representa. Isso é um passo muito importante que muda tudo! Você vai perceber isso com o passar das semanas…

Ele já consegue manter o peso da cabeça com seu pescoço, seus músculos se fortaleceram e agora sustentam  a cabecinha até quando está de barriga para baixo, sem grandes dificuldades. A maneira de segura-lo já muda, né? Eles estão mais bebês e menos recém-nascidos.

Screen Shot 2014-11-24 at 3.04.23 PM

Seus movimentos aleatórios vão dando lugar aos movimentos propositais. O bebê passa a conseguir mexer seus braços voluntariamente e começam a ensaiar segurar os brinquedinhos. Agora é a hora ideal de ficar balançando os brinquedos na frente dele para ajuda-lo a descobrir distancia, força, coordenação e o abrir e fechar dos dedinhos. Tudo isso é um treinamento para daqui ha algumas semanas, ele agarrar o brinquedo preferido e não soltar mais!
É também através dos movimentos propositais que eles agarram o pézinho e o descobrem! Agora começa pé na boca e acostume-se, a maneira que eles tem de descobrir o mundo é pela boca, então tudo vai parar lá! O jeito é estar tudo sempre limpinho e desencanar da neura.

Também aos 3 meses, os canais lacrimais já estão formados! Uhuuu, bora machucar o coração da mamãe! Como se não bastasse todo o choro deles, agora eles virão acompanhados de lágrimas, só para machucar mais um pouco a manteiga derretida que é o meu coração.

Se antes seu bebê estava apenas soltando alguns sorrisos tímidos, agora ele vai começar a dar aquelas gargalhadas gostosas e desdentadas (hahaha)! Mas vale lembrar que cada bebê tem uma personalidae e que as vezes o seu pode ser mais tímido, quieto, sério… E as gargalhadas podem ocorrer com menos frequência, isso não é um problema.
Agora também é a hora que ele começa a ensaiar os primeiros sons e arrisca suas primeiras balbuciadas. Alguns gritinhos, sílabas, barulhos… Tudo muito fofo e tudo muito importante. Nessa fase é bacana a gente “escutar” o que eles tem para falar, dar o tempo deles sonorizarem e depois “responder”, ensinando-os a dinâmica do dialogo. Dessa maneira eles vão observar como acontece uma conversa.
Também é interessante “imitar” os sons que eles fazem, dessa maneira eles sentem que estão sendo compreendidos.

Falando em diálogo, agora é o momento de deixa-lo participar dos seus momentos sociais. Se você for receber amigos em casa ou se for sair para almoçar em um lugar que dê para leva-lo, leve. Ele irá se beneficiar muito assistindo as interações sociais. Ele vai aprender a socialização, vai acostumar com “estranhos”, vai se ambientando a lugares com barulho, além de instigar a fala. A interação social agora é algo que pode ser benéfico, ao passo que antes era algo que apenas atrapalhava o sono nos pequenos… (Mesmo atrapalhando, eu deixava o Antonio em algumas reuniões com amigos desde pequeno. Nunca fui do tipo de mãe que protege o filho de barulhos e pessoas, aquele tipo que tem neuras e manda todo mundo engolir álcool gel).

Bom gente, acho que é básicamente isso que acontece no decorrer dos 3 meses! Qualquer duvida pode me mandar que eu respondo assim que possível, e por favor me mandem dicas de postagens desse universo materno.
Beijinhos

Gostou? você pode compartilhar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Lu…
    Adoro suas dicas! Tenho uma afilhada uma semana mais nova que o Antonio, sigo de perto a evolução dela e bateu muito com o que você escreveu.
    Beijão

  2. Luuu,
    Eu tô adorando as dicas!!! Minha filha tem 1 mês mas eu tb não a privo do barulho e nem sou a neurótica do álcool em gel! Kkkkk…já estou atrás de comprar o tapetinho que vc falou no post sobre os 2 meses! 🙂
    Vc pode falar sobre a volta a forma física? Vai ajudar muito várias mamães como eu!
    Beijão

    1. Oi Helo!
      Eu leio bastante livros, textos, pesquisas, falo com profissionais… Pedagoga, o medico pediatra dele, profissionais da área em geral.
      Beijinhosss

  3. Olá Lu! Adoro suas dicas com relação aos bebês. Eu tenho um baby de 3 meses e um semana, eu acho que ele dorme demais ainda. Ele acorda, mama e fica no máximo uma hora acordado, depois já começa a ficar nervoso e quer dormir, dai ele dorme umas 2h e começa tudo de novo. O bom, é que, mesmo dormindo bem durante o dia, ele já dorme a noite toda! O seu bebê também era assim? Dormia muito?? Bjs